Talhante corta a mão de filho ‘viciado em porno’

Um talhante foi preso em Hyderabad (Índia) acusado de ter cortado a mão direita de um filho que, segundo o pai, é “viciado em pornografia”.

Mohammad Qayyum Qureshi tomou a medida drástica após apanhar o filho, Mohammad Khalid Qureshi, a ver filmes pornográficos no telemóvel. O violento incidente ocorreu no passado domingo (4/3). O pai entregou-se às autoridades.

“Alguns elementos da família ouviram os gritos do jovem e levaram-no imediatamente para o hospital”, disse ao “Hindustan Times” o inspector Lakshmikanth Reddy.

A mão foi reimplantada, mas os médicos que atenderam o jovem temem que a cirurgia não surta efeito. O agressor foi indiciado por tentativa de homicídio.

De acordo com o “PornHub”, a Índia é o terceiro país com maior número de utilizadores do site adulto, somente atrás dos EUA e do Reino Unido.